Category Archives: Norte

PB é o estado que mais recebeu estudantes de universidades de outros estados

No total, 12.774 matrículas foram realizadas na Paraíba em 2017 –21% delas, portanto, foram de estudantes de outros Estados.

Mais de 21 mil brasileiros mudaram de Estado em 2017 só com a nota do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). Dentre eles, 2.730 se matricularam na Paraíba –Estado campeão no acolhimento a estudantes de outras unidades federativas no ano passado.

No total, 12.774 matrículas foram realizadas na Paraíba em 2017 –21% delas, portanto, foram de estudantes de outros Estados.

Os dados do MEC (Ministério da Educação) obtidos pelo UOL dizem respeito ao Sisu (Sistema de Seleção Unificada), que oferece vagas em instituições públicas de ensino de todo o Brasil para candidatos que tenham feito as provas do Enem. As inscrições para a primeira edição do Sisu de 2018 terminam às 23h59 desta sexta (26).

O Sisu é aberto duas vezes ao ano: uma no início do primeiro semestre e outra no início do segundo. Os dados de mobilidade são do Sisu de primeiro semestre –que, segundo o MEC, registra maior volume de vagas e matrículas do que os do segundo semestre.

“A atração em relação à Paraíba tem a ver com a qualidade dos cursos, a quantidade de vagas ofertadas e a qualidade de vida nas cidades do Estado”, afirma Ariane Menezes Sá, pró-reitora de graduação da UFPB (Universidade Federal da Paraíba).

Segundo a pró-reitora, só a UFPB oferece 7.835 vagas em 123 cursos pelo Sisu. A universidade tem hoje cerca de 42 mil alunos, entre graduação e pós-graduação. “Quase 90% dos nossos professores são doutores, que desenvolvem projetos de pesquisa e extensão”, afirma Sá.

Um levantamento divulgado no ano passado pelo Observatório das Metrópoles, coordenado pela UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), mostrou que entre as 27 capitais brasileiras a capital paraibana, João Pessoa, tem o 13º melhor índice de bem-estar urbano.

À frente dela ficaram cidades como Vitória (1º), no Espírito Santo, e Goiânia (2º), em Goiás. As “lanternas” foram Porto Velho (26º), em Rondônia, e Macapá (27º), no Amapá.

Além da UFPB, a UFCG (Universidade Federal de Campina Grande), a UEPB (Universidade Estadual da Paraíba) e o IFPB (Instituto Federal da Paraíba) selecionam seus alunos pelo Sisu. Em 2018, as quatro instituições oferecem quase 15 mil vagas no Estado da Paraíba.

Os dados mostram ainda que os pernambucanos foram os que mais migraram para a Paraíba graças ao Sisu no ano passado. Entre as matrículas efetivadas na Paraíba por alunos de outros Estados, 1.182 ou cerca de 10% delas vieram de estudantes do Estado vizinho.

Em 2016, a Paraíba ficou atrás apenas de Minas Gerais no ranking de Estados que mais receberam alunos de fora pelo Sisu, em números absolutos. Enquanto o Estado paraibano recebeu 2.581 estudantes de fora, Minas recebeu 4.820.

Com uma queda no número total de matrículas pelo Sisu em Minas em 2017, caiu também a mobilidade de alunos para esse Estado: foram 2.321 estudantes de fora.

Paulistas foram os que mais migraram

Desde 2015, mais de 70 mil estudantes mudaram de Estado pelo Sisu –alunos do Estado de São Paulo foram os que mais conquistaram vagas em outras unidades federativas nos últimos três anos.

Em 2017, 6.186 paulistas se matricularam em outras unidades federativas. Em 2016, esse número foi de 9.849 e, em 2015, de 7.883 alunos.

A diferença é grande em relação aos Estados que ocuparam o segundo lugar no ranking. Em 2017, 1.792 mineiros mudaram de Estado com o Sisu. Em 2016, foi a vez da Bahia ocupar o segundo posto, com 1.832 alunos migrantes. Já em 2015, a posição foi outra vez de Minas Gerais, quando 1.845 estudantes saíram de lá para outros Estados.

UOL

 

fonte: https://www.wscom.com.br/noticias/brasil/pb+e+o+estado+que+mais+recebeu+estudantes+de+universidades+de+outros+estados-231822

Fundação Matias Machline abre inscrições para curso preparatório gratuito (Manaus)

Oportunidade é voltada para alunos do 9º ano de escolas públicas ou particulares que queiram estudar na instituição. Inscrições vão até 21 de fevereiro

A Fundação Matias Machline está com vagas abertas até o próximo dia 21 de fevereiro para o curso “Preparar FMM”, que é o preparatório gratuito para o Exame de Seleção do Projeto Social “Ensino Médio Técnico 2019” da instituição. A oportunidade é voltada para alunos do 9º ano do ensino fundamental de escolas públicas ou particulares.

Os alunos terão aulas preparatórias nas disciplinas de Língua Portuguesa, Língua Inglesa e Matemática, somente aos sábados, no período da manhã, das 7h30 às 12h, com duração de 8 meses, divididos em quatro módulos de sete sábados cada, nas dependências da própria Fundação.

O projeto tem finalidade de oferecer gratuitamente aos alunos das escolas do Estado do Amazonas um curso preparatório pré-vestibular que visa complementar os conteúdos das disciplinas exigidas no exame, proporcionando a preparação necessária para o processo seletivo.

As aulas são desenvolvidas por meio de abordagem multidisciplinar, com a complementação videoaulas teóricas expositivas e dialogadas e material didático constituído por apostilas digitais e caderno de exercícios disponibilizado de forma gratuita para todos os participantes. “O curso Preparar FMM é uma maneira que encontramos de ajudar alunos com dificuldades em custear um curso preparatório para disputar com igualdade uma vaga para o Processo de Seletivo da Fundação, que é sempre muito concorrido”, explicou a diretora da fundação Nancy Claudiano.

Ao longo do curso, além de revisarem o conteúdo programático exigido para o exame, os alunos têm a oportunidade de conhecerem as dependências de sua futura escola. “Estamos promovendo uma transformação social por meio da educação de Ensino Médio de excelência oferecida aos jovens da Rede Pública do Ensino”, frisou a gestora.

Inscrições

As inscrições podem ser feitas pelo site fundacaomatiasmachline.org.br. No ato da inscrição, é fundamental enviar o comprovante de que estão cursando o 9° ano em 2018. Outras informações podem ser obtidas pelo facebook da fundação: https://www.facebook.com/FMatiasMachline/ ou pelos telefones (92) 2129-2991 / 2999

A Fundação Matias Machline é um Projeto Social sem fins lucrativos voltado a oferecer Ensino, Pesquisa e Formação Profissional de qualidade para alunos carentes da rede pública do Amazonas. O Projeto Social Ensino Médio Profissionalizante da FMM é o de maior relevância da Região Norte, com 30 anos de existência, beneficiando mais de 3 mil jovens carentes.

fonte: https://www.acritica.com/channels/manaus/news/fundacao-matias-machline-abre-inscricoes-para-curso-preparatorio-gratuito

Ir para a barra de ferramentas